Tutoriais HostHP

11 dicas para abrir seu e-commerce em Magento!

A crise financeira e política em que atravessa nosso país, cada dia que passa faz mais “Estragos”, atualmente são mais de 11 milhões de desempregados em nosso país. Mas, isto para alguns não tem sido sinônimo de sofrimento. Na verdade, tem se tornado aquele empurrão para iniciar o seu próprio negocio.
Porém, quem esta desempregado, em alguns casos tem seu seguro desemprego por alguns meses, ou seja, recursos escassos, não sendo permitido desperdícios ou erros.
Muitos desempregados tem iniciado seu próprio negocio, seja na frente de sua casa, ou como muitos estão partindo para as vendas online, na qual, dependendo do tipo de produto terá um baixíssimo investimento inicial.

O e-commerce, que em português significa comércio eletrônico, é uma modalidade de comércio que realiza suas transações financeiras por meio de dispositivos e plataformas eletrônicas, como computadores e celulares. Um exemplo deste tipo de comércio é comprar ou vender produtos em lojas virtuais.

Mas, para iniciar o seu negocio, a escolha de uma plataforma para a sua Loja Virtual e fundamental. Atualmente, existem centenas de empresas que vendem planos de Lojas Virtuais, porém, com scripts PHP prontos, copiados de outras lojas, defasados, com falhas de segurança e etc. O que poderá ser uma dor de cabeça em alguns meses, principalmente quando a sua loja crescer.
Então, deve analisar bem antes de escolher qual plataforma utilizar. Existe plataformas como PrestaShop e a mais utilizada no mundo a Magento.

Apenas para se ter uma ideia do tamanho da comunidade Magento:
O Magento é a maior plataforma de e-commerce do mundo, com mais de 150.000 lojas implantadas em mais de 50 países, consolidando-se como líder do segmento.
Magento é um sistema web de e-commerce de código aberto baseado em PHP e MySQL utilizando elementos do Framework Zend, totalmente modular, desenvolvido pela Magento Inc (antiga Varien) e que hoje é uma divisão da eBay.

O Magento inclui todas as funcionalidades dos grandes players do mercado, com destaque para a otimização de sites (SEO) e a infinidade de módulos (plugins) que podem ser utilizados. Sua base de programação é sólida e modular, segura e escalável, provendo o suporte tecnológico necessário para que um e-commerce possa crescer de forma sólida e escalável.

A HostHp oferece planos de Hospedagem de Sites todos otimizados para hospedar sites de Lojas Virtuais, inclusive em todos os planos vem incluso dentro do Cpanel da Hospedagem o instalador de Lojas virtuais gratuitamente, ou seja, em apenas alguns cliques, você poderá instalar a sua loja para poder iniciar os primeiros passos.

Os planos de Hospedagem de sites da HostHp no Brasil, utiliza-se de servidores Dell e Super Micro, hospedado em Data Center em São Paulo, na Equinix SP1 antiga Alog. Links de diversas operadores com bastante sobre para eventuais picos, como vendas em dia dos namorados, dia das mães e Natal. Nossa rede e integrada a PTT-SP. Utilizamos sistema de proteção Anti ddos, o que irar garantir a sua Loja online, mesmo em caso que seu concorrente que não esteja tendo bom resultados, tente derrubar a sua Loja!

Para iniciar uma Loja Virtual, alguns fatores devem ser levados em consideração, apesar de não ser 100% da área, já que hospedamos sites e não temos diretamente uma loja. Somos uma empresa prestadora de serviços, na qual, também quase todas as vendas da nossa empresa são online, ou seja, existe algumas estratégias que também entendemos um pouco.

1-Qual produto irar vender? Iniciar focado em um ou poucos produtos e muito interessante. (Ah Thiago, mais quero ser que nem uma Lojas Americanas da Vida). Esta certo, deve sonhar alto, mas, o mundo real e difícil, os consumidores compram diversos produtos do mesmo por serem gigantes e os pequenos?

2-Analisar os seus custos! Você terá contas a pagar, deve ter lucro.

3-Analisar meios de entregas. O meio utilizado por todos e os Correios, mas, se você tiver um produto focado em sua região, quem sabe fazer parceria com empresas de transporte local, ônibus e vans?

4-Pensa na sua marca, endereço do site e logo. Evite grandes endereços, tente ter um nome pequeno, legal. Seja criativo!

5-Registre seu domínio. (Caso seu foco for brasileiros, é 100% recomendado registrar seu endereço .com.br), mas, nada lhe impede de já deixar registrado o .com para evitar que espertinhos registrem o mesmo antes de você.

6-Estudar a plataforma da sua Loja virtual.

7-Criar meios de cobrança. Você ao vender no site, terá que emitir a cobrança a seus clientes, varias empresas tem módulos prontos dos mais famosos gateway de pagamento. Como Paypal, Moip, Pagseguro, Gerencianet e etc. Com o mesmo poderá emitir cobrança via boleto, cartão e saldo dos meios.

8-Planejar suas formas de marketing.

Esta e uma das etapas mais importantes do seu negocio. Planejar as estratégias de anúncios e fundamental. Como otimizar o SEO do seu site o que irar trazer visitantes de forma orgânica do Google para você com baixo custo. Campanhas em Google Adwords. Anúncios no Facebook ADS. Uma grande falha das Lojas e anunciar em apenas um meio de publicidade, grande parte das empresas anunciar apenas no Google Adwords e esquece dos outros meios. Você tem que fazer anúncios e ir medindo o seu retorno e vendo qual o melhor meio para a sua Loja.

9-Utilize redes sociais. Ter uma rede social da sua empresa com um visual atraente, bastante curtidas e postagens frequentes poderá lhe ajudar a estar na “Cabeça”, dos clientes. Quando eles precisarem de determinado produto, ponderam lembrar que já viram vocês na Internet!

Agora, nada de criar uma pagina, não inserir boas imagens, não convidar amigos para curtir, não ter postagem frequentes, nem que seja uma por semana.

10-Escolha a empresa para Hospedar a sua Loja Virtual. A escolha da empresa de hospedagem de sites e fundamental. Caso escolha uma empresa que fique constantemente fora do ar, poderá perder uma venda, justamente na hora que seu site esta fora do ar. Ou até mesmo, uma hospedagem lenta. A HostHP Oferece servidores no Brasil, 99.9% de UPTIME. Planos a partir de R$ 11,90 por mês.

11-Tenha capital de giro.

Esta parte e cruel, mas, infelizmente e real, segundo o Sebrae em media 60% das empresas que abrem, fecham em até dois anos após a sua fundação e uma das causas principais e a falta de capital de giro.

Nem toda empresa, logo quando for aberta já irar dar lucro. Ou seja, provavelmente terá prejuízo por alguns meses.

Nesta publicação, citei apenas 10 itens importantes a se levar em consideração. Mais, sabemos que muitos outros devem ser analisado para aumentar a sua probabilidade de sucesso.

Atenciosamente,

Thiago C. Guimarães

www.hosthp.com.br

0800 932 0000 Ramal: 6954

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *